O que é Inteligência Emocional e porque ela é importante no APH

Entender o que é inteligência emocional e porquê ela é importante no APH com certeza elevará um pouco mais o seu nível de capacitação na área. Descubra.

Os profissionais de primeiros socorros e atendimento pré-hospitalar passam por pressão psicológica diariamente. A inteligência emocional vem para mostrar como refletir sobre nossas emoções faz toda diferença nas tomadas de decisões.

Contamos um pouco mais sobre esse conceito no post abaixo.

O que é inteligência emocional: entendendo o conceito

Inteligência emocional é um conceito, criado pelo jornalista científico Daniel Goleman, que explica a capacidade de alguns indivíduos em tomar decisões acertadas independente de suas emoções.

Atualmente, essa é uma prática muito trabalhada em coaching, principalmente empresarial. No atendimento pré-hospitalar, a inteligência emocional também é relevante pois, ensina o profissional como agir sobre pressão e risco, sem aumentar ou causar sequelas na vítima.

Os 5 pilares da inteligência emocional

Daniel Goleman dividiu o conceito de inteligência emocional em 5 pilares. São eles:

1 – Conhecer as próprias emoções

É o primeiro passo do processo. Trata-se de saber identificar o que você está sentido e por que você está sentindo. Também cabe nesse pilar, conseguir analisar as suas ações tomadas a partir dessas emoções.

2 – Controlar as emoções

Após conhecer as suas emoções, o segundo passo é controlá-las. É o controle que fará você enxergar as melhores formas de atendimento em situações de grande pressão psicológica.

3 – Automotivação

A automotivação é saber utilizar as suas emoções de forma adequada nas tomadas de decisões. Um enfermeiro, por exemplo, que recebe uma vítima de acidente grave e com poucos sinais de vida, precisa desenvolver a automotivação para buscar a melhor saída e tentar salvar aquele paciente.

4 – Empatia

Talvez, o que mais se mostra em um curso de APH é a empatia. Se colocar no lugar da pessoa em atendimento vai, certamente, ajudar você a identificar melhor as dores da vítima e a melhor maneira de salvar essa vida.

5 – Saber se relacionar interpessoalmente

Além de aprender a guiar as suas próprias emoções, você precisa saber fazer isso com as emoções da pessoa em atendimento pré-hospitalar. Sabemos que a maioria das situações é de tensão total, mas entendendo o que é inteligência emocional, você saberá contornar o momento.

A inteligência emocional como parte de grande importância do APH

Profissionais como bombeiros ou policiais, precisam entender bem o que é inteligência emocional, pois lidam com situações extremas o tempo inteiro. Nesse caso, temos uma atuação diferente dos cargos de liderança. Os profissionais de saúde se sentem completamente pressionados por serem responsáveis pela vida de outra pessoa.

Esse tipo de situação nos mostra que o conhecimento da técnica é importante, mas o domínio das suas emoções é fundamental.

Você entendeu o que é inteligência emocional e o porquê ela é fundamental em cursos e treinamentos de atendimento pré-hospitalar? Se ficou alguma dúvida, deixe seu comentário ou entre em contato com nossos instrutores a partir do formulário do site!

Para saber mais sobre atendimento pré-hospitalar, resgate e primeiros socorros, acesse nosso blog